Volume de transações com dólar cai 17% em 2014, diz BC

O volume de transações com o dólar caiu 17% em 2014 na comparação com o ano anterior, de acordo com dados divulgados nesta segunda-feira, 12, pelo Banco Central.

Em 2014, o dólar teve valorização de 12,69%. Segundo o BC, as operações com a moeda somaram US$ 3,037 trilhões no ano passado ante US$ 3,652 trilhões em 2013.

Apesar do recuo de um ano para o outro, a quantidade de empresas habilitadas pela instituição para fazer comercialização com a divisa aumentou de 180 para 185.

No acumulado do ano passado, também segundo dados do BC, o Banco Santander foi o que mais movimentou a moeda no Brasil, com um total de US$ 379 bilhões distribuídos em 794 mil operações.

O banco espanhol ultrapassou o Itaú Unibanco, que havia liderado esse mercado em 2013, com um volume de US$ 385,1 bilhões.

Em 2014, o banco brasileiro ficou com a segunda posição, ao movimentar US$ 310,4 bilhões em 1,120 bilhão de contratos. Na terceira colocação ficou o Citibank, com US$ 304,5 bilhões (428 mil operações), seguido pelo HSBC, com US$ 268,6 bilhões distribuídos em 580 mil operações. O quinto lugar no ranking do BC coube ao Banco do Brasil: US$ 255,4 bilhões em 974 mil operações.

No ano passado, as operações ficaram praticamente divididas entre o mercado interbancário (US$ 1,553 trilhão) e o primário (US$ 1,483 trilhão).

O mercado primário, também conhecido como mercado de varejo, é formado pelas negociações feitas por governos, empresas ou famílias diretamente com o exterior.

As informações que são capturadas nessas operações geralmente constam do balanço de pagamentos, que o Banco Central detalha todo fim de mês.

Já o mercado secundário é composto por transações feitas entre instituições financeiras. Fazem parte dessas operações os registros de contratos de arbitragem fechados no Brasil e no exterior, bem como as operações realizadas diretamente com o Banco Central.

No mercado interbancário, as compras somaram US$ 776,609 bilhões e as vendas, US$ 776,672 bilhões. Já no primário, as exportações foram responsáveis pela movimentação de US$ 225 bilhões, enquanto as importações somaram US$ 218 bilhões.

As transferências do exterior atingiram um total de US$ 511 bilhões e as para o exterior, US$ 529 bilhões.

Nessa lista atualizada hoje pelo BC, a autarquia ficou na 19ª colocação, com US$ 388 milhões no mercado primário, sendo 100% em operações de transferência do exterior e US$ 31,5 bilhões no mercado interbancário - valor igualmente distribuído entre compras e vendas.

Dezembro:

Líder da comercialização com dólares ao longo de 2014, o Banco Santander ficou com o primeiro lugar também nas movimentações identificadas pelo Banco Central em dezembro, segundo BC.

Apenas no mês passado, o banco espanhol comercializou US$ 62 bilhões (em 72 mil operações) de um total de US$ 328 bilhões no mês de todas as 185 instituições liberadas pelo BC a realizar transações com a moeda estrangeira.

A segunda posição de dezembro ficou com o Itaú Unibanco (US$ 29,6 bilhões em 108 mil operações), seguido pelo Citibank (US$ 29,5 bilhões em 37 mil operações) e o HSBC Bank (US$ 29,2 bilhões em 49 mil operações).

O Banco Central ficou com a quinta colocação, com US$ 20,6 bilhões distribuídos em apenas 109 operações.

No mês passado, o mercado primário total teve volume de US$ 140,395 bilhões. Já o mercado secundário foi responsável pela movimentação de US$ 187,536 bilhões.

 

 

Fonte: exame.abril.com.br

NOTÍCIAS



CORRESPONDENTES DE CÂMBIO
MATRIZ
>> PORTO ALEGRE
Av. Plínio Brasil Milano, 757 | sb loja 201
Higienópolis
(51)3574.3422 |
>> CAXIAS DO SUL
Av. Júlio de Castilhos, 2700 - Térreo | lj 05
São Pelegrino
(54)3021.3422 |
>> NOVO HAMBURGO
Rua Bento Gonçalves, 2800
Centro
(51)3303.3422 |
NEWSLETTER



OUVIDORIA
0800 770-5422
ouvidoria@executivecambio.com.br
ATENDIMENTO
Segunda-feira à Sexta-feira
Das 9h às 17h
EXECUTIVE CÂMBIO
Caxias do Sul | Novo Hamburgo | Porto Alegre

Área Restrita:
Login: Senha:


© Copyright 2013 - Todos os direitos reservados à Executive Câmbio